Venda Inbound Blog

Quais métricas você deve mensurar no seu negócio?

Quais-mtricas-voc-deve-mensurar-no-seu-negcio

Muitos empreendedores ainda desconhecem a importância de acompanhar o desenvolvimento das métricas de suas empresas. Essa é uma das tarefas fundamentais na hora de traçar quais serão as futuras estratégias de atuação da marca no ambiente online e offline. Trata-se de uma tarefa imprescindível, pois ela exige que SEO’s possam estabelecer métricas e indicadores que serão medidos em determinados períodos de tempo, para depois serem comparados com a finalidade de descobrir se as estratégias de marketing escolhidas para o negócio estão realmente trazendo bons resultados.

A tarefa desse tipo de gestor é saber se seu negócio está crescendo e tendo retorno considerável. Muitas das empresas que estão atuando no mercado conseguem se manter ativas mesmo operando no negativo. Isso geralmente acontece em lojas virtuais que preferem trabalhar no fortalecimento da marca e conquistar maiores fatias de mercado antes de se preocupar apenas com a geração de lucro.

O importante aqui é que você reserve um tempo de suas atividades para descobrir quais são as métricas particulares e essenciais para o tipo de negócio que você comanda. E para te ajudar nessa missão, preparamos uma lista com as 5 métricas mais importantes e que você não deve deixar de avaliar se deseja garantir resultados de vendas positivas no futuro.

Taxa de Conversão

Essa taxa é medida a partir de um cálculo simples. Basta contabilizar quantas conversões (vendas) foram feitas em relação ao tráfego total que o site da sua empresa teve. Trata-se de uma das métricas mais básicas, porém de extrema importância para o empreendedor, pois é através dela que será possível obter dados com relação ao número de visitas e se elas estão gerando cadastro por parte dos clientes.

Ao acompanhar essa métrica de navegação dos usuários, ainda será possível compreender que tipo de melhorias precisam ser aplicadas ao longo de toda a trajetória de visitas até a hora da conversão dos clientes, garantindo que não haja nenhum tipo de dispersão nesse caminho.

À medida que o número de novas empresas cresce no mercado, não é difícil enxergar que muitos empreendedores acreditam apenas que a melhor estratégia de marketing digital seja investir em vários tipos de campanhas online. Entretanto, por mais que seja uma estratégia muitas vezes eficaz, é necessário que você mensure os resultados para ter certeza de qual delas realmente possui participação efetiva na taxa de conversão, gerando leads qualificados para sua empresa.

É só observando as fontes que geram o maior número de conversões que será possível investir na estratégia certa e acertar o público que você deseja, reduzindo a taxa de rejeição.

Cálculo da Taxa de Conversão (TC): Total de visitas / Número de vendas

Atente-se à Taxa de Conversão por Cliente

Se você ainda não entende o nível de fidelidade dos seus consumidores, está na hora de avaliar a métrica que mede qual é o valor que você gasta convertendo cada cliente. É a partir dessa informação que você começa a conhecer um pouco mais sobre a recorrência das vendas (para e-commerce). Caso você note que essa taxa está muito baixa, é preciso avaliar se seus clientes estão realmente satisfeitos e se não há necessidade em gerar outros tipos de receita através da venda de novos produtos, baseando-se no perfil dessas pessoas.

Se for o caso, porque não explorar um pouco o cross-selling? Aposte nessa estratégia que recomenda outros produtos complementares a esses clientes. Em geral, essa estratégia é muito utilizada por empresas que trabalham com mídia e entretenimento, pois elas buscam fazer com que seus clientes consumam mais produtos e serviços de suas empresas.

Cálculo da Taxa de Conversão de Cliente – Número total de conversões / Número total de clientes.

Calcule o Ticket Médio por Cliente

Essa métrica tem a intenção de calcular e mostrar a você quanto custa adquirir um cliente. E ela é fundamental para o seu negócio. Porém, esqueça ideia de que basta dividir a sua receita total pelo total número de compras. O importante aqui é entender que é necessário considerar toda a receita que foi gerada pela sua carta de clientes e dividir esse número pero total de clientes que a sua empresa possui.

Acompanhe essa métrica e entenda de uma vez por todas as variações que possam ocorrer ao longo de todo o ano. Será a partir dos resultados que você obter que poderá estabelecer novas estratégias para alavancar o ticket médio da empresa, ou seja, continuar gerando maiores receitas com essa mesma base de clientes. Assim como visto supracitado neste post, é importante investir em estratégias de up-selling ou cross-selling, pensando em ofertas complementares que possam ser do interesse do seu público.

Cálculo do Ticket Médio por Cliente: Receita total / número de clientes total.

Custo de aquisição de cada cliente da empresa

Para que você possa medir essa métrica, basta utilizar uma fórmula simples: Pegue todo o valor que você investiu em marketing e vendas e divida pelo número total de clientes. Mas fique atento, pois o valor de marketing e vendas deve incluir tudo aquilo que sua empresa gastou com anúncios, SEO, marketing de conteúdo e afins. Depois de chegar ao resultado, será possível entender quanto a sua empresa gasta para conquistar cada cliente.

Logo no princípio, é importante perceber que esse custo na aquisição de clientes deve ser menor que todo o ticket médio por cliente. Muitas das empresas preferem adotar inicialmente a estratégia de apenas investir em aquisição, contando com o fato de o retorno vir através da retenção do consumidor.

Cálculo de Custo de Aquisição de Cliente: Investimento total de marketing e vendas / número total de clientes da empresa

Retorno Sobre o Investimento em Marketing

Para fazer bom uso dessa métrica, é preciso que os gestores a calculem de forma correta. Eis então a forma correta:

Divida toda a receita gerada dentro do período pelo investimento total feito apenas com marketing. Simples, não é mesmo? Essa métrica ajuda você a avaliar não só quanto retorno teve de todas as ações de aquisição através do Google Ads e do Facebook Ads, como também daquelas estratégias de branding e retenção que você pratica.

Cálculo do Retorno Sobre o Investimento: Receita total gerada / investimento total em marketing

Monitore suas ações e gere relatórios de desempenho

Essas métricas são de grande ajuda a empreendedores e gestores, pois elas poderão guiá-los em novos caminhos e estratégias futuras para seus negócios. Depois de começar a avaliar os resultados dessas métricas, provavelmente outras mais importantes começarão a surgir e com a mesma necessidade de ser mensuradas. Quando você se atenta a esse tipo de hábito, começa a ter um olhar mais crítico e passa a transformar suas análises em melhorias que poderão alavancar ainda mais os negócios da sua empresa.

Não se esqueça de monitorar todas as suas ferramentas constantemente e exigir que sua equipe apresente relatórios quinzenais ou mensais para que novos insights possam surgir dos resultados, ajudando no desenvolvimento de novas estratégias e ações de marketing. E você, já usa ou vai testar algumas das métricas que aprendeu neste artigo? Compartilhe suas ideias e estratégias com a gente no campo de comentários abaixo.

guia completo do smarketing

Posted on 22-05-2015 12:50 by Rudi Ribeiro

Rudi Ribeiro

Escrito por Rudi Ribeiro

Especialista de Inbound Marketing e Inbound Sales, trabalha como consultor para empresas estruturando processos de marketing e vendas com foco em acelerar crescimento.

Fique Atualizado sobre Vendas